Emater-MG: projetos de sustentabilidade

Emater-MG elabora projetos de sustentabilidade para cidades da Estrada Real

Minas Gerais: projetos de sustentabilidade

Fonte: Agência Minas

Empresa participa desde 2011 do projeto Árvore é Vida. Objetivo é reflorestar o percurso das cidades da Estrada Real

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerais (Emater-MG), vinculada à Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (Seapa), participa do projeto Árvore é Vida desde 2011. O projeto foi implantado em 2008 pelas Caminhantes da rota da Estrada Real, que desde então vem reflorestando o percurso das cidades da Estrada Real, protegendo a biodiversidade no Estado e, ao mesmo tempo, visando o desenvolvimento sustentável e econômico.

Além da Emater-MG, o projeto conta com a parceria das secretarias de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), de Turismo (Setur) e de Educação (SEE), além do Instituto Estadual de Florestas (IEF). Em setembro deste ano a parceria assinou um Termo de Cooperação que possibilitará o desenvolvimento do turismo na Estrada Real, e a articulação com associações que fazem parte de circuitos turísticos, além do desenvolvimento de ações educativas, o fornecimento de mudas, apoio no plantio, e divulgação do patrimônio histórico cultural da região, bem como sua proteção e preservação.

Projetos de sustentabilidade são âncora do pilar ambiental

Segundo o coordenador Regional de Fruticultura da Emater-MG, Juscelino Rabelo, a empresa pública participa do Projeto Árvore é Vida elaborando projetos de sustentabilidade para cidades da Rota da Estrada Real. “Nossa atuação vai justamente ao encontro dos pilares da sustentabilidade, o econômico e o social, que ancoram o pilar ambiental”.

Rabelo diz que a Emater-MG idealizou projetos associados que incentivam atividades de fruticultura, olericultura, apicultura, derivados do leite e frutas, artesanato, e implantação de estruturas de comercialização da produção nas rotas turísticas ou de grande fluxo de veículos, de forma individualizada (em quiosques ou barracas), ou em formas coletivas (em empórios ou barracão do produtor), para gerar renda aos produtores.

A experiência de 65 anos da Emater-MG na área rural contribui para a eficácia da sensibilização, viabilização da arborização e de projetos sustentáveis, o que tem sido efetivado por meio de seminários e reuniões com lideranças e produtores rurais, seguido pelo plantio das mudas nativas ou frutíferas. “A ideia é implantar um selo do Projeto Árvore é Vida nas embalagens, para agregar valor aos produtos, e placas de divulgação nas proximidades das unidades de comercialização”, destaca o coordenador.

Esse ano a Emater-MG realizou seminários em várias cidades da Estrada Real. Nos municípios de Pedro Leopoldo, Sete Lagoas, Matozinhos, Lagoa Santa, Santana de Pirapama, Catas Altas, Nova Lima, Bom Jesus do Amparo, Raposos, Rio Acima e Ouro Preto, além dos seminários foram realizados plantios de mudas de árvores.

Papagaios será a próxima cidade que receberá ação da Árvore é Vida, com previsão de realização de seminário da Emater-MG, seguido pelo plantio de mudas de árvores. O evento será realizado no dia 20 de novembro, nos períodos da manhã e tarde. “A ação da parceria neste município será muito elucidativa para a compreensão da amplitude do projeto em Minas Gerais”, conclui Rabelo.

0 comments… add one

Leave a Comment